top of page
4931029.jpg

PAI XANGÔ | ORIXÁ DA LEI E JUSTIÇA

Atualizado: 23 de abr. de 2023


Pai Xangô é o Senhor da Justiça!


Pai Xangô rege os domínios do fogo, expresso nos raios e seu axé está nas pedreiras.


Pai Xangô é considerado o orixá de grande poder, pois ele é o orixá justiceiro, por isso, para se pedir justiça a Pai Xangô é necessário que seja realmente justa a situação, pois ele irá olhar para os dois lados dela.

O seu instrumento é o “OXÉ” (o machado de duas lâminas).


Pai Xangô é a representação do espírito maduro, grande líder, conhecedor do bem e do mal.


Seus filhos geralmente tem o temperamento forte e são realizadores de grandes conquistas.


Pai Xangô é considerado "o mestre da sabedoria", gerando o poder da política e justiça.


Aqueles que acreditam na sua existência e tem fé em Pai Xangô, recorrem a ele para resolver problemas relacionados com documentos e assuntos judiciais.


PAI XANGÔ SOBRE O SENSO DE JUSTIÇA:


Em uma de suas lendas, conta sobre seu senso de justiça.


...Em um determinado momento seus opositores haviam recebido ordens expressas para que destruíssem todo o exército de Xangô e o próprio Orixá.


Xangô e os seus ministros, soldados estavam perdendo essa batalha, e todos os seus homens estavam sendo executados, e o poder do inimigo cada vez mais claro para ele...



Certo dia, do alto de uma pedreira, Xangô meditava, refletia sobre a situação que acontecia e elaborava planos para derrotar o seu inimigo.


Ao observar a tristeza e a dor dos seus fiéis guerreiros, Xangô foi tomado pela ira e em um rápido movimento bateu o seu martelo em uma pedra que estava próxima.

Essa ação acabou provocando faíscas tão fortes que pareciam uma catástrofe, e quanto mais forte ele batia, mais faíscas apareciam e acabavam atingindo os seus inimigos.


Com tantas vezes e força que Xangô bateu com o seu machado na rocha provocou muitas faiscas, que atingiram diversos inimigos fazendo com que Xangô triunfasse sobre os seus inimigos e saísse vencedor.


Após prender alguns dos seus inimigos que haviam sobrevivido à batalha, os ministros de Xangô clamaram por justiça e pediram a destruição completa dos opositores.


E Xangô proferiu a célebre frase: “Não! De forma alguma faria isso, pois o meu ódio, não pode ultrapassar os limites da justiça.”


Em seguida Xangô, o orixá da justiça afirmou, que os soldados apenas cumpririam ordens, mas que os seus líderes mereciam sofrer com a sua fúria e ira.



Foi aí que Xangô elevou o seu machado aos céus e gerou uma sequência de diversos raios que destruíram os líderes dos inimigos e, ao mesmo tempo libertou os guerreiros que passaram a servi-lo com lealdade.


Essa é apenas uma das muitas lendas que existe sobre Xangô.


CARACTERÍSTICAS DE FILHOS DE XANGÔ:


Os filhos de Xangô herdam do seu Pai algumas das suas características mais marcantes, que são:


SÃO JUSTICEIROS:


Quem é filho de Xangô não suporta injustiças, não aceitam cruzar os braços para aquilo que consideram errado, correm atrás do que é certo e não se dão por vencidos até conseguir.


SÃO DIFÍCEIS NO TRABALHO:


Não costumam aceitar a opinião alheia facilmente e falam tudo que vem à cabeça, doa a quem doer.


Muitas vezes podem perder o emprego por não saber conter as palavras.


TEM NERVOS À FLOR DA PELE E ISSO PODE AFETAR A SAÚDE:


Não é raro encontrar um filho de Xangô com hipertensão, problemas cardíacos, problemas no sistema nervoso ou que sofra de nevralgias.


São pessoas bondosas e solidárias, mas é preciso ter cuidado para não aborrecê-los, pois a sua ira é incontrolável.


Essas são algumas principais das características dos filhos de Xangô.


SAUDAÇÃO A XANGÔ:


A saudação de costume de exaltação a Xangô é “KawóKabiesilé”, que significa “Salve o grande Rei”.


CORES DE XANGÔ:


Suas cores representativas são o vermelho, o marrom e o branco.


DIA DE XANGÔ:


Assim como cada orixá tem um dia de destaque na semana, o dia escolhido para se exaltar Xangô são as quartas-feiras.


CURIOSIDADE DE XANGÔ:


Xangô teve três esposas, que são as Orixás de nome:


IANSÂ – Outra esposa de Ogum, que acabou encantada pelos poderes e pela força de Xangô.


OBÁ – A primeira esposa de Xangô.


OXUM - A segunda esposa de Xangô, e antiga esposa de Oxóssi.

É também considerado o filho poderoso de Oranian e Torosi, e o seu poder concentra-se no domínio das rochas.


SINCRETISMO A XANGÔ:


O orixá Xangô, dependendo da região do país, pode ser sincretizado com os santos católicos:

São Pedro, São João Batista, São Jerônimo e mais raramente, com São Judas Tadeu.


ORAÇÃO A XANGÔ:


Salve Xangô!

Orixá de grande força e harmonia.

Protetor dos injustiçados e advogado das boas causas.

Pedimos que nos envie um raio de luz e uma faísca do seu incomensurável poder, a fim de abrandarmos a violência de nossas manifestações de ódio e de rancor contra os nossos semelhantes.

Mostrai-nos o caminho certo, para cumprirmos a missão que foi determinada pelo Pai.

Se os nossos erros ou as nossas faltas nos desanimarem, deixai-nos sentir a sua presença, para seguir as suas pegadas no caminho da fé e da caridade, para que assim possamos levar a Sua Justiça por toda a eternidade.

"Kaô Kabecilê!!!"


Assista a Meditação de Xangô:

Gostou do nosso artigo!


Compartilhe com amigos que precisa saber....


Até o próximo post...

Me siga nas minhas outras redes sociais e fique por dentro de tudo...


14 visualizações0 comentário

Comments


Rubens Saraceni Umbanda Atendimentos com Magia Divina Terapia com Mesa Radiônica Curso de Magia Divina Consulta Terapêutica c
bottom of page