top of page
4931029.jpg

MAGIA DIVINA | SAIBA O QUE É

Atualizado: 11 de set. de 2023

Uma Introdução à Magia Divina


A magia é um tema fascinante e misterioso, que tem despertado interesse em diversas culturas ao longo da história.


Desde as antigas civilizações até os dias atuais, a magia tem sido uma maneira de conectar-se com o divino, de buscar autoconhecimento, poder e transformação.

Nesse artigo iremos explorar o conceito e fundamentos da Magia Divina, falando sobre origem da magia, ferramentas, relação com religião, e rituais utilizados, e também sobre benefícios e desafios enfrentados pelos seus praticantes.


Prepare-se para adentrar nesse fascinante mundo de mistério e transcendência!


O que é Magia?


Magia é um termo que pode despertar imagens de caldeirões borbulhantes e feitiços lançados com varinhas, mas vai muito além disso...


É uma forma de prática espiritual que busca conectar-se com forças divinas e naturais e utilizar essa conexão para manifestar mudanças tanto em nossas vidas, quanto nas de outras pessoas.


Com raízes ancestrais, essa prática envolve a manipulação consciente das energias sutis do universo por meio de rituais, invocações e conjurações.


As Origens e Histórico da Magia


A magia tem origens profundas em diversas tradições espirituais e culturais ao redor do mundo.


Desde os tempos antigos, os seres humanos têm buscado uma conexão com o divino e desenvolvido métodos para acessar seu poder.


No Egito, sacerdotes realizavam rituais para invocar a benção e proteção dos deuses e por isso tinham um enorme prestígio.


Na Grécia, oráculos eram muito consultados para obter orientação divina.


Essas práticas nas antigas civilizações se baseavam na crença de que os deuses interagiam com o mundo humano e que era possível influenciar essas interações através de rituais e invocações.


Ao longo da história a prática da magia foi sendo influenciada por diversas correntes filosóficas e religiosas.


Nos tempos medievais, período de grande predominância política da igreja, a magia foi quase sempre associada à bruxaria e considerada uma prática herética.


Porém, já com a chegada do Renascimento e do interesse pelas ciências ocultas, a magia recomeçou a ser vista de maneira mais respeitável, embora ainda envolta em mistério.


Nos tempos atuais, muitas pessoas buscam maneiras de se conectar com o espiritual e encontrar um significado para suas vidas de uma maneira prática e autêntica, sem necessariamente estarem ligadas à uma religião específica – mesmo que já estejam vinculadas a alguma.


Afinal, a magia traz um sentimento de empoderamento e autonomia, pois coloca nas mãos do praticante a capacidade de criar mudanças em sua própria vida.


Princípios e Componentes da Magia:


Antes de tudo, a prática da magia envolve a crença na existência de uma conexão entre o divino, as energias sutis do universo, e o praticante.


E de que, com o conhecimento e as ferramentas corretos, ele pode acessar essas energias e sabedoria que vão auxiliá-lo em sua jornada espiritual e realizações.


Como foi dito, a magia envolve uma manipulação consciente de energias visando a materialização das intenções do praticante.


Ela pode envolver a realização de rituais, o uso de símbolos, e a invocação de entidades para direcionar essas energias.


Existem diversos elementos que compõem a prática da magia, mas alguns dos mais comuns incluem:

  • Intenção - Visualização

  • Símbolos

  • Elementos – como velas, cristais, incensos, ervas

  • Rituais de conexão – invocações e ordens mágicas

Todos esses elementos trabalham em conjunto estimulando, sincronizando e direcionando, as frequências energéticas necessárias à materialização das intenções.



A Magia Divina – Como Chegou Até Nós


O que foi dito até aqui é comum a várias vertentes que se utilizam da prática da magia, e muito importante para entender seus princípios básicos.


O que seria então a Magia Divina que mencionamos logo no início?


A Magia Divina foi trazida até nós pelo Pai Rubens Saraceni, que por sua vez recebeu as informações através de seu Mestre de Magia, Mestre Seiman Hamiser Ye.


Ele codificou essas informações e nos transmitiu em sua vasta obra literária, bem como em seus cursos de Magia Divina.

Pai Rubens, brasileiro, médium, escritor, foi o fundador do Colégio Tradição de Magia Divina, e também da Associação Umbandista e Espiritualista do Estado de São Paulo.


Tendo sido igualmente um nome importante para a Umbanda, é comum que alguns associem os conhecimentos da Magia Divina com a Umbanda, o que na verdade não tem ligação obrigatória.


Isso vai ser esclarecido a seguir.


A Magia Divina – Conceitos:


O conhecimento trazido pela Magia Divina fala dos Tronos Divinos da Criação.


Se trata do conjunto das frequências vibratórias da Criação, da emanação de Deus para o universo, ou seja, dos atributos do Criador em suas várias irradiações.


As sete frequências ou faces de Deus são: Fé; Amor; Conhecimento; Justiça; Lei; Evolução e Geração.


Elas vibram e irradiam as qualidades de Deus em todos os seres e todas as coisas.


São como uma orquestra do Criador dentro de cada um de nós, e que precisa trabalhar afinada e em completa harmonia para que consigamos desempenhar o melhor em nossas vidas.


Pela vivência de Pai Rubens e pela associação possível dessas frequências com os atributos de cada Orixá, acontece de muitos fazerem a ligação obrigatória da Magia Divina com a Umbanda.


Mas na verdade vai além e essas frequências têm representatividade em várias outras religiões.


Só um exemplo: a frequência masculina da Fé pode ser associada a Oxalá na Umbanda; Jesus no catolicismo; Apolo na Grécia Antiga; Rá no Egito Antigo, e assim por diante.


Ou seja, no fim é um conceito que independe da crença de cada um.


Continuando, já se percebe que acionar e direcionar essas sete frequências, combinando-as de acordo com o que se deseja trabalhar em nossas vidas significa ter o auxílio das energias do universo em nosso favor.


A Magia Divina justamente une as ferramentas e ritualísticas da magia com o conhecimento dos Tronos Divinos para nos ajudar a invocar e direcionar essas frequências conforme nosso desejo.


Os Benefícios e Desafios na Prática da Magia Divina


Benefícios:


Autoconhecimento e Transformação Pessoal – A prática permite explorar e compreender aspectos mais profundos do nosso eu.


Ela oferece uma oportunidade de crescimento espiritual e de desenvolvimento de habilidades intuitivas.


Harmonização e Equilíbrio Energético – Auxilia na promoção do equilíbrio tanto no indivíduo como no ambiente ao seu redor.


Pode ser usada para limpar e purificar a energia negativa, criando uma atmosfera da paz e harmonia.


SAIBA COMO TER O SEU ATENDIMENTO: MAGIA DIVINA


Busca por Cura e Bem Estar – A Magia Divina é uma poderosa ferramenta para buscar a cura física, emocional e espiritual.


Pode ser utilizada para aliviar o estresse, melhorar a saúde, e assim promover o bem-estar emocional através do equilíbrio.


Manifestação de Resultados e Transformações – Ajuda a canalizar as energias no sentido de materializar nossos desejos, desde que alinhados com nosso merecimento e com a Justiça Divina.


Desafios:


Acreditamos que o maior desafio para nós, seres falíveis, seja ter consciência dos limites e consequências de nossos desejos dentro da ética e das leis espirituais.


É preciso estar atento e pensando no impacto potencial de nossas ações sobre nós mesmos e os outros.


Karma não é apenas uma palavra da moda, é uma força muito real no universo.


Portanto devemos fazer o bem, sermos bons e assim evitar o caos que pode surgir de escolhas inconsequentes.



Antes de manipularmos essas energias precisamos respirar fundo e nos perguntar:


“Isso é mesmo necessário?”.


A magia é uma ferramenta poderosa, mas sempre deve ser abordada com cautela e respeito.


Então devemos ficar dentro dos limites do que parece certo e nos lembrar que o universo sempre vai ter uma maneira de equilibrar as escalas.


Confira as Perguntas mais Frequentes:


Posso praticar Magia Divina independentemente da minha religião?


Sim, a Magia Divina pode ser praticada por pessoas de diferentes crenças religiosas, pois não está obrigatoriamente vinculada a nenhuma.


Basta acreditar que é possível conectar-se com o divino bem como que temos como manipular as energias sutis do universo em nosso favor.


É importante respeitar suas próprias crenças e adaptar a prática da Magia Divina de acordo com sua espiritualidade pessoal.


A Magia Divina é perigosa?


Ela em si não é perigosa, mas é preciso praticá-la com responsabilidade e consciência.


É importante seguir as orientações adequadas, respeitar as leis espirituais e éticas, e ter um conhecimento sólido sobre os rituais e práticas envolvidos.


Um ponto importantíssimo é que ela só pode ser utilizada para fazer o bem, senão, além de não funcionar, ainda leva à perda da outorga espiritual dada ao seu praticante.


Em resumo, mantendo um equilíbrio e respeitando os limites citados, a Magia Divina é uma ferramenta poderosa e benéfica em sua jornada.


É necessário ter habilidades especiais para praticar a Magia Divina?


Não, qualquer pessoa pode aprender e se dedicar a essa prática espiritual.


No entanto é necessário acreditar em seus princípios, ter interesse, dedicação, paciência e disposição para estudar e aprimorar-se nas técnicas e rituais.


Como em toda atividade, o desenvolvimento acontece gradualmente com a prática constante e o aprofundamento do conhecimento.


Conclusão:


Estamos chegando ao fim dessa introdução!


Ao praticar a Magia Divina você pode realmente esperar ver resultados e transformações em sua vida.


Seja atraindo abundância, encontrando paz interior ou manifestando desejos do seu coração, a magia tem um modo de fazer as coisas acontecerem...


Mas, como em qualquer filme, o timing nem sempre é o que você espera.


É preciso ser paciente e confiar no processo. Lembre-se, a magia funciona de formas misteriosas e às vezes o universo tem algumas surpresas na manga.


Esperamos com esse modesto texto ter contribuído com informações úteis para todos, levando em conta que se trata apenas de uma primeira introdução a esse mundo fascinante.


Tomamos essa iniciativa por não termos visto material introdutório semelhante, e também para dar nossa contribuição em esclarecer ideias distorcidas e preconceituosas herdadas da história.


É muito importante que as pessoas tenham uma noção realista sobre esse conhecimento e assim possam tanto expressar com propriedade suas opiniões como, esperamos, se entusiasmar, iniciar seus estudos e vivenciar as possibilidades de evolução e realizações que ele oferece.


Obras para quem quer saber mais:





E para quem quer se iniciar na Magia Divina:



Gostou do nosso artigo!


Continue acompanhando nosso blog...

Me siga nas minhas outras redes sociais e fique por dentro de tudo...


3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Terapia Orixás
bottom of page